Publicidade
7 Minutoz

7 Minutoz

Rap do Vegeta (Dragon Ball Z)

Álbum: #7 Minutoz - Mais Tocadas 3 Plays

Rap do Vegeta (Dragon Ball Z) Letra

Lutador por natureza
Sangue de saiyajin corre nas veias
Herdeiro da realeza
Não me deixe ver uma lua-cheia
Matador que age com frieza
O guerreiro mais forte, então se submeta
Mas antes que eu pudesse me tornar rei
Freeza matou meu pai e explodiu meu planeta
Buscando ter a vida eterna

Fiz uma viagem em busca das Esferas
Assassinei vermes do planeta Terra
Meu poder é tão grande que ninguém supera
Os insetos sentem um clima sombrio
Vocês são tão fracos, por isso, eu rio
Mas depois de um tempo um guerreiro surgiu
Seu poder de luta é de mais de oito mil
Nappa vai ser o primeiro a enfrentá-lo
Eu não acredito nisso, cê foi derrotado?

Eu não vou perdoá-lo, você é um fracassado
Você quer a minha ajuda?
Então, eu vou matá-lo
Agora, Kakaroto, sou eu e você
Verme insolente, você vai perder
Uma batalha Saiyajin eles vão ver
Sintam meu poder, hoje a Terra vai tremer
Como é possível um simples inseto
Derrotar o Príncipe Saiyajin?
Kakaroto, vou te mostrar o inferno
Você ainda vai ser derrotado por mim
Não admito não ser o mais forte
Sou capaz de tudo pra ter o que eu quero
Eu vou treinar até o dia da minha morte
Pra ser o homem mais forte do universo

Eu já ouvi dizer
Que o orgulho vai ser meu fim
Mas o que eu posso fazer
Se nenhum de vocês se compara a mim?

Perverso
Eu só luto por mim, eu não luto pela humanidade
Inseto
Saibam que meu coração é puro, pura maldade
Eles tremem diante da minha energia
Me enfrente e vai ser seu último dia
Lembre-se de mim, criatura maldita
Príncipe Vegeta

Um aviso do futuro do meu filho Trunks
Eu tive que treinar intensivamente
Vou exterminar esse andróide insolente
Morra, seu verme, Big-Bang
Não me subestime, cê não me conhece
Tô sem paciência, então não me teste
Já dei meu recado e pra quem se mete
Final Flash

O mago Babidi vai reviver o Majin Boo
Um demônio antigo que quer consumir a Terra
Roubando o poder de guerreiros de norte à sul
Foi quando um torneio se transformou numa guerra
Eu quero mais poder, em busca de força e maldade
Vendi minha alma num trato com Babidi
Vou matar inocentes sem nenhuma piedade
E olha na minha cara, isso me faz sorrir

O M do demônio marca minha testa
Nunca abracei meu filho desde que ele nasceu
Trunks, venha aqui, essa é a chance que resta
Me abrace, meu filho, isso é um adeus
Eu posso partir, mas Majin Boo, te levo junto
Pela minha família, parto de cabeça erguida
Vou me explodir e acabar com as nossas vidas
Insetos, saibam que quem salvou vocês foi Vegeta

Eu já ouvi dizer
Que o orgulho vai ser meu fim
Mas o que eu posso fazer
Se nenhum de vocês se compara a mim?

Perverso
Eu só luto por mim, eu não luto pela humanidade
Inseto
Saiba que meu coração é puro, pura maldade
Eles tremem diante da minha energia
Me enfrente e vai ser seu último dia
Lembre-se de mim, criatura maldita
Príncipe Vegeta