Publicidade
7 Minutoz

7 Minutoz

Rap do Kratos

Álbum: #7 Minutoz - Mais Tocadas 3 Plays

Rap do Kratos Letra

Rap do kratos
Filho de um Deus
Tudo para ser um bom menino
Palavras e ilusões mudariam meu destino
O futuro dá as cartas, mas somos nós que jogamos
O mesmo joga as armas, nós somos os que lutamos
Desde pequeno, pronto para ser um soldado
Espartano, violento, com a fúria do meu lado
Encontrei um irmão, uma grande esperança
Um amigo de batalha, criando um aliança
Seguindo a profecia, por ares foi levado
Para o tártaro e pela morte torturado
Tentei evitar, mas por ele fui ferido
Na pele, na alma, não salvei o meu amigo
A guerra é meu reino de ódio e destruição
Eu terei minha vingança sem nenhuma compaixão
Já diziam, a marca vermelha retornar
E eu vou fazer o monte olimpo todo desabar

Kratos
Eu condenei a minha alma
Minhas mãos sujas de sangue
Me chamaram de fantasma
Os corpos cairão na terra
Eu sou o novo Deus da guerra

Kratos
Eu condenei a minha alma
Minhas mãos sujas de sangue
Me chamaram de fantasma
Os corpos cairão na terra
Eu sou o novo Deus da guerra

Uma batalha difícil, mas não faltava coragem
Se resume em escória, soldados em desvantagem
Não tenho opção, não sei o que é perder
Ares, me dê todo seu poder!
Em troca de tudo, serei seu servo fiel
Olimpianos vão temer a minha atitude cruel
E com tudo isso uma ilusão foi criada
Cegado por ódio, não parava por nada
Mas ares não satisfeito, ainda queria mais
Acabando com tudo, aniquilando os mortais
Sua ambição me enoja não era suficiente
Vai se arrepender de me tornar um monstro doente
Isso me atormenta, um pesadelo constante
O sangue lavando tudo que eu amava em apenas um instante
Já diziam, a marca vermelha retornar
E eu vou fazer o monte olimpo todo desabar

Kratos
Eu condenei a minha alma
Minhas mãos sujas de sangue
Me chamaram de fantasma
Os corpos cairão na terra
Eu sou o novo Deus da guerra

Kratos
Eu condenei a minha alma
Minhas mãos sujas de sangue
Me chamaram de fantasma
Os corpos cairão na terra
Eu sou o novo Deus da guerra

Algo está errado, a minha chama arde
A arte da mentira é a que revela a verdade
Uma traição, não vai haver perdão
O monte olimpo sentirá a fúria de um monstro sem coração
Um pesadelo me persegue, ódio e tristeza me consome
Ouvindo minha família chamando pelo meu nome
Me fez assassinar minha mulher e minha criança
Rodeado em cinzas, acabado sem esperança
Vai ficar para lembrança, depois da minha matança
Estarei na liderança, provocou minha vingança
Eu não queria que a historia terminasse assim
Te pergunto, o que é um Deus perante a mim?
Escalarei essa montanha, derrubando um por um
Com a força de um titã, não sobrará nenhum
Já diziam, a marca vermelha retornar
E eu vou fazer o monte olimpo todo desabar